Risoto de filé-mignon

Tradicional prato italiano produzido com arroz arbório. Foto: Marcio Schimming

Este tradicional prato italiano feito com arroz arbório é um verdadeiro clássico que pode ser servido como prato principal, entrada ou acompanhando algum tipo de carne. Se a sua intenção é testar uma nova receita para o almoço de domingo ou impressionar o namorado num jantar romântico esta é uma boa pedida.

A receita de risoto de filé-mignon, do chef Eduardo Frasson, do Moinho Velho, é uma das mais pedidas do restaurante. “Para se produzir um bom risoto é necessário utilizar o arroz adequado e saber identificar a dosagem correta de caldo para se alcançar a cremosidade ideal e peculiar de um bom risoto”, comenta Frasson.

Na lista de ingredientes do risoto de filé-mignon um molho clássico da cozinha tradicional é inserido durante a preparação, trata-se do demi-glace. Molho de cor escura, derivado do fundo de carne, ossos assados, purê de tomate, ervas aromáticas e sabor intenso devido ao longo tempo de preparo. No restaurante Moinho Velho, para se ter uma ideia, o molho leva dois dias para ficar pronto. Por essa razão o chef recomenda que em casa você use o molho industrializado disponível no mercado.

Segundo ele, é muito importante que o risoto seja servido imediatamente após o preparo e ainda sugere para decorar o prato salsinha crespa, ciboulette e pimenta biquinho.

Primeira parte dos ingredientes. Foto: Marcio Schimming

Ingredientes:
50 gramas de arroz arbório
2 colheres de sopa de azeite
100 ml de vinho branco seco
300 ml de fundo de legumes ou de frango

 

 

 

 

Segunda parte dos ingredientes. Foto: Marcio Schimming

120 gramas de filé-mignon cortado em cubos
Sal do chef (uma mistura de sal, glutamato monossódico, pimenta-do-reino e pimenta-da-jamaica)
2 colheres rasas de sopa de manteiga
1/2 cebola bem picadinha
2 colheres de sopa de molho demi-glace
2 colheres de sopa de creme de leite fresco
30 gramas de parmesão ralado
1/2 xícara de tomate picadinho (sem semente e sem casca)
1 colher de sopa de cebolinha picada

 

Dá para substiruir o caldo de legumes pelo de frango. Foto: Marcio Schimming

Modo de preparo:
Numa panela frite o arroz com as duas colheres de azeite. Quando estiver bem sequinho adicione o vinho branco seco e deixe apurar por alguns minutos, em seguida é a vez do fundo de legumes. Mexa constantemente. Quando estiver quase al dente (quando o arroz está cremoso e levemente transparente por fora e mais branquinho por dentro) você retira do fogo e reserva a preparação para começar a etapa do filé-mignon. Sue bem a cebola picadinha em 1 colher de manteiga e reserve.

 

 

A carne já está previamente temperada. Foto: Marcio Schimming

O filé-mignon em cubos deve ser previamente temperado com o sal do chef (que inclusive já vai manteiga). Quando a carne estiver no ponto acrescente o molho demi-glace e depois o creme de leite fresco até começar a ferver, aí entra aquele arroz que você deixou reservado.

 

 

 

 

Finalização do prato. Foto: Marcio Schimming

O calor e a movimentação da colher liberam o amido presente no arroz deixando a preparação com uma textura cremosa. Misture tudo e adicione mais um pouco do caldo de legumes até ferver. Na parte final desta receita adicione o parmesão ralado, o tomate, a cebolinha. Acerte o tempero do sal e encerre com 1 colher de manteiga. A manteiga vai dar o acabamento na receita, dando um brilho no risoto.

 

Para finalizar o chef sugere decorar o risoto de filé-mignon com ciboulette, salsinha crespa e pimenta biquinho. Foto: Marcio Schimming

Anúncios

4 ideias sobre “Risoto de filé-mignon

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s